segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Agronegócios sem veneno

Na entrevista do presidente da Federação da Agricultura de Minas Gerais (Faemg), Robeto Simões, publicada nesta data, pelo jornal Hoje em Dia, três coisas chamaram minha atenção. 1 - Ele defende a eliminação de parte de cafés improdutivos ou de baixa qualidade, como forma de melhorar o desempenho do grão brasileiro no mercado  internacional. 2 - Ele critica a política  de preços para a gasolina, praticada pelo governo federal, que tem sufocado a produção do etanol, tido como alternativa de combustível ambientalmente correto. 3 - (preocupante por demais) - ele defende a entrada de produtos químicos, até então proibidos no Brasil, para combater a lagarta helicoverpa armigera. A idéia conflita com a opinião de muitos cientistas e pesquisadores em fitopatologia que  recomendam o combate à praga com processos naturais e com manejo adequado.

http://www.hojeemdia.com.br/noticias/economia-e-negocios/brasil-precisa-investir-mais-na-produc-o-de-fertilizantes-1.208701

Nenhum comentário:

Postar um comentário