quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Onde há fumaça, pode ter fogo: queima de resíduos volta ao debate

O edital de licitação do governo mineiro para a Parceria Público-Privada dos Resíduos Sólidos na região metropolitana de BH. está sendo questionado judicialmente. Segundo ambientalistas, o edital abre brechas para que a empresa vencedora possa incinerar o lixo. O procedimento, além de resultar em emissão de gases tóxicos, também provoca impactos sociais, com a eliminação do trabalho dos catadores de materiais recicláveis.
Outra ameaça vem da Câmara de Vereadores da capital, onde foram apresentados dois projetos de lei que permitem a incineração. Veja mais em www.insea.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário