quinta-feira, 24 de abril de 2014

Campanha na internet quer precionar governo a incentivar compra de bicicletas


Vídeo novo da Rede Bicicleta para Todos e divulguem! https://www.youtube.com/watch?v=do6wOuOkOrk 

Feirão do IPI Zero... é só hoje!

A elevada carga tributária incidente sobre a bicicleta, suas partes e peças representa um dos principais entraves para o pleno desenvolvimento de uma cultura da bicicleta no Brasil.
Apenas a isenção do IPI significaria um aumento de 11,3% nas vendas, o que representaria um superávit de arrecadação para o Governo Federal na ordem de 1,2%.

O Brasil possui entre 50 e 70 milhões de bicicletas, o que significa que aproximadamente 75% dos brasileiros não possuem bicicletas. Isto representa um potencial de crescimento enorme, apesar do histórico de queda no consumo e na produção de bicicletas desde 2008.

Em média 72,3% do custo de uma bicicleta, no Brasil, vem dos impostos. E esta alta tributação é responsável por manter 40% da produção nacional de bicicletas na informalidade.

O Brasil possui 240 fabricantes espalhados por todo o território nacional, em todos os Estados. Esta pulverização é histórica e assim permanece, apesar das desigualdades impostas pelas complicadas e perniciosas regras tributárias para este setor que faz tão bem à sociedade.
A isenção do IPI, portanto, à luz da realidade do setor e das condições socioeconômicas dos ciclistas - e potenciais ciclistas - é apenas o primeiro passo para uma correção histórica das desigualdades no setor, bem como para a ampliação do acesso a este meio de transporte tão benéfico e, por que não, revolucionário.


Esta mensagem foi enviada por Bicicleta Para Todos pelo sistema da Change.org. Você recebeu este email porque assinou o abaixo-assinado iniciado por Bicicleta Para Todos na Change.org: "IPI Zero para Bicicletas". A Change.org não é responsável pelo conteúdo desta mensagem.

Visualizar o abaixo-assinado
Remover o recebimento de notificações sobre este abaixo-assinado

Nenhum comentário:

Postar um comentário