terça-feira, 26 de agosto de 2014

Quanto vale a sombra de um buriti?


Inscrições para a maior premiação ambiental do Brasil estão abertas até 5 de setembro

A preservação do Cerrado é o tema do V Prêmio Hugo Werneck
de Sustentabilidade & Amor à Natureza

Pessoas, empresas, entidades e projetos que lutam pela causa ambiental já podem se inscrever ou fazer sua indicação ao Prêmio Hugo Werneck 2014 até o dia 05 de setembro próximo.
Com o slogan “Quanto vale a sombra de um buriti?”, a premiação - que já homenageou personalidades como a atriz Camila Pitanga, iniciativas como o Projeto Rondon Resíduos e empresas como Gerdau, Vale e Rede Globo - terá a preservação do Cerrado e das veredas retratadas por Guimarães Rosa como tema central. O objetivo é chamar a atenção para o bioma, que já perdeu 50% da área original e abriga 11 mil espécies de plantas nativas, 199 de mamíferos, 1.200 de peixes, 180 de répteis e 150 de anfíbios.
Para participar do prêmio, basta acessar o site www.premiohugowerneck.com.br, ler o regulamento e fazer a sua inscrição ou indicação na categoria desejada. A cerimônia de entrega será realizada em 11 de novembro no Teatro Francisco Nunes, Parque Municipal Américo Renné Giannetti, em pleno coração verde da capital mineira Participe e boa sorte!

Prêmio Hugo Werneck
O “Prêmio Hugo Werneck de Sustentabilidade & Amor à Natureza” é uma iniciativa do Grupo ECOLÓGICO e visa reconhecer e destacar as principais iniciativas socioambientais de indivíduos, empresas privadas e públicas, instituições de ensino e do terceiro setor nacionais que, por meio de atitudes, projetos, campanhas e desenvolvimento de atividades, contribuem para a proteção do meio ambiente e a melhoria da qualidade de vida das populações. Podem concorrer iniciativas bem-sucedidas, ações, cases, experiências de uma ou mais pessoas, físicas ou jurídicas, empreendedores, instituições e ONGs que tenham projetos já concluídos ou em realização, que cumpram rigorosamente as legislações socioambientais e tenham se somado à construção de uma sociedade mais justa e sustentável.

Hugo Werneck
Foi fundador, há mais de 30 anos, do Centro para a Conservação da Natureza, uma das primeiras ONGs na América Latina a empunhar a bandeira do que hoje chamamos de sustentabilidade. Sua receita de vida e luta, como dentista de profissão e ambientalista que era, é tão simples quanto universal. Seus três conselhos principais capazes de nos reaproximar da natureza, abraçarmos a economia verde e diminuirmos a fome e a pobreza no mundo, fruto de um desenvolvimento ainda divorciado com o processo natural da vida, continuam iguais à aurora do pensamento ecológico.

Saiba mais:

Nenhum comentário:

Postar um comentário